Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Bom Proveito

Bom Proveito

O primeiro a chorar chorou "melhor"...

16
Fev19

Imagem do filme  "A Paixão de Cristo" , de Mel Gibson, cena em que Jesus promete ao bom ladrão

"Ainda hoje estarás comigo no paraíso!"

 

martelo.jpgMartel.jpg

A Revista Visão desta semana tem  na capa  o tema recorrente dos abusos sexuais por padres e bispos sobre inocentes, crianças, jovens, freiras, e sei lá que mais . Faz a capa dando notícia do livro "No armário do Vaticano", de Frédéric MARTEL, conhecido jornalista francês que, desta vez, fez uma investigação de 4 anos,  em 30 países, tendo recolhido mais  de 1000 testemunhos.  Até poderia ir mais longe, mas o  livro tinha que ser lançado no 1º dia do encontro do Papa com Bispos e Cardeais de todo o mundo para tratar  convenientemente este assunto . O Encontro tem lugar em Roma, e termina a 24 de Fevereiro.

São  muitos, mesmo dentro da Igreja, que tem ocultado estes comportamentos desumanos, estas vidas duplas. Que vergonha, os que eram supostos dar o exemplo, fazem coisas horrendas, no mundo e também em Portugal. O artigo diz mesmo que tudo isto pode abalar a Igreja. Mas não. A Igreja é inabalável, está construída sobre a rocha. E Pedro... bem sabemos que não foram ocultadas as suas limitações. Antes pelo contrário, o galo até cantou três vezes!

Quem fica abalado para a vida toda são os violentados. As feridas emocionais ficam para sempre. Não se pode fazer delete, como nos computadores. Vale a pena ler neste artigo da Visão, os relatos das vítimas.  Como ler o artigo do Observador a este respeito.  Ficam abalados também os que abalaram os que não podiam falar. Havia quem não pudesse abalar, quem não tinha outra casa.

Não estou aqui a defender o indefensável. Dizer apenas que a Igreja é antes de mais uma vida, um corpo de homens e mulheres tendo como cabeça Jesus Cristo, o seu fundador. É assim que a Igreja se apresenta. É desta que falamos. E não a da que as nossas cabecinhas pensantes inventam por medida. É desta que fala o Papa. 

Estes artigos  e livros por muito bom o ajudarem a vir à tona o que não deve ser oculto, tendem a ficar pelo enxovalho,  pelo que vende. Há tanta coisa nesta Igreja que devia vir ao de cima pelas melhores razões. Porque não se escreve sobre isso? Eu acho que se deve escrever sobre tudo. Eu acho também que não se deve ficar pelo feio. Mostre-se tudo. O conhecimento é uma coisa muito bonita!

Mas não nos podemos esquecer que Martel (o) há só um! Falo do que interessa. Do martelo que mudou a História e a liberdade . Goste-se ou não. FACTOS. Falo do MARTELO que pregou o Filho de Deus e continua a pregar aqueles que têm o privilégio de serem também martelados. Por amor. É uma outra visão, que não faz manchetes, e é ocultada. Porque será? Eu tenho uma ideia. Não nasci ontem.

Brincar às casinhas?  Sim, adoro. Mas não com inocentes e criminosos. 

Não vou antecipar a reunião de Roma. Só dizer que este inferno odeia. E o ódio mata. Mas dizer também que houve um Homem que chorou por todos. Era Deus, e sabe lá lá Ele porquê, mas a liberdade é incontornável.

Paradoxalmete o Paraíso está entre nós... BOM PROVEITO! 

 

2 Pedro 1, 10-11 
   " Irmãos, esforçai-vos cada vez mais por assegurar com boas obras a vossa vocação e eleição, porque deste modo não pecareis jamais. E assim vos será largamente oferecida a entrada no reino eterno de Nosso Senhor Jesus Cristo. "

3 comentários

Comentar post